segunda-feira, 14 de maio de 2012

PRUDENTES COMO UMA SERPENTE E SIMPLES COMO UMA POMBA



"Eis que eu vos envio como ovelhas para o meio de lobos; sede, portanto prudentes como as serpentes e símplices como as pombas" (Mateus 10:16)
 Estive refletindo nesses dias, sobre o conselho dado por Jesus aos seus discípulos, ao enviá-los a anunciar o reino de Deus. Ele disse, sede prudentes como as serpentes e símplices como as pombas. O que Jesus, na verdade, queria dizer com isto? O que tem estes animais de especial? O que o nosso envio tem a ver com estes animais tão antagônicos?

A serpente é um animal sagaz, tem uma personalidade fria, são rápidas e possuem cerca de 4 tipos de locomoção. Conseguem rastrear as suas presas a vários metros de distância, pois conseguem captar as vibrações do solo. Algumas espécies de serpente, inclusive, possuem um sistema chamado fosseta loreal, que é um sistema termo-receptor que permite que percebam a aproximação de animais de sangue quente. Já as pombas, são animais dóceis, que andam em bando e vivem em quase todos os tipos de ambientes, ou seja, conseguem se adaptar a qualquer tipo de ambiente. Vemos pombas em todos os lugares. São extramente fiéis aos seus parceiros.

Assim, analisando um pouco estes animais, podemos perceber que o Senhor Jesus nos alerta a sermos ágeis, rápidos e sempre vigilantes como as serpentes. Como sabemos, o diabo anda ao nosso derredor, bramando como um leão, buscando a quem possa tragar. Neste caso, precisamos estar atentos a cada um de seus movimentos. Muitas vezes situações se levantam ao nosso redor e não percebemos que por detrás de toda aquela cena está o nosso inimigo. Precisamos, portanto, ter a sensibilidade de uma serpente para que não sejamos presas nas mãos de Satanás. Tem momentos, inclusive, que temos de ser frios, não nos deixando levar pelas nossas emoções.

Precisamos, assim como as pombas, andar em unidade e termos a capacidade de nos adaptar ao novo, enfrentando os desafios que são colocados diante de nós. Nada de ficar murmurando e se queixando. Precisamos estar sempre prontos para viver em qualquer situação, como compartilhou o Apóstolo Paulo certa vez com a Igreja Filipenses "...aprendi a viver contente em toda e qualquer situação". (Filipenses 4:11). É preciso, especialmente, que a fidelidade seja uma marca em nossas vidas. 


Por fim, creio que ao fazer alusão a dois animais tão diferentes, o Senhor Jesus nos aconselha a termos equilíbrio diante das situações que se apresentam diante de nós. Precisamos simples, porém prudentes no nosso agir. 

Que possamos, portanto, aceitar o nosso envio, tendo em mente os conselhos do Senhor Jesus Cristo. Prudentes como uma serpente e simples como as pombas.

"Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar" (I Pedro 5:8)

Pra. Ioná Loureiro

3 comentários:

Elisete Lucas Alves disse...

VEJO EM MIM QUE FALTA ESTA PERCEBIÇÃO PARA PERCEBER OS ATAQUE DE SATANÁS QUE DEUS ISARAEL ABRA OS NOSSOS OLHOS PARA PERCEBER PORQUE NÃO SABEMOS NADA.

Karol disse...

A SERPENTE SE PROTEGE PARA NÃO SER PISADA, E A POMBA SE APROXIMA DOS OUTROS.
Jesus também disse: Não podemos impedir que as aves voem sobre as nossas cabeças, mas podemos impedir
que elas faça moradas.
Jesus nesta parábola sobre a influencia do mal sobre as nossas mentes.

Karol disse...

A SERPENTE SE PROTEGE PARA NÃO SER PISADA, E A POMBA SE APROXIMA DOS OUTROS.
Jesus também disse: Não podemos impedir que as aves voem sobre as nossas cabeças, mas podemos impedir
que elas faça moradas.
Jesus nesta parábola sobre a influencia do mal sobre as nossas mentes.