quarta-feira, 25 de julho de 2012

Sórdida ganância!



Pastoreai o rebanho de Deus que há entre vós, não por constrangimento, mas espontaneamente, como Deus quer; nem por sórdida ganância, mas de boa vontade, nem como dominadores dos que vos foram confiados, antes tornando-vos modelos do rebanho. Ora, logo que o Supremo Pastor se manifestar, recebereis a imarcescível coroa da glória.” 1 Pedro 5.2-4


Tenho refletido sobre o texto acima. O pastoreio é uma responsabilidade muito grande. A forma como conduzimos as vidas requer extremo zelo e amor. Lamentavelmente, existem muitos gananciosos e dominadores pastoreando.
A este respeito, logo me veêm à mente um casal que estamos acompanhando. A esposa chegou na Igreja muito abatida, com um semblante caído. Estava desligada de sua Igreja e sem exercer o seu chamado. Quando perguntei o motivo, senti uma revolta muito grande quando soube que o seu ex-pastor disse para o marido dela que se ele saísse da Igreja, iria morrer. Eles saíram porque observaram muitas incoerências. As palavras que o tal pastor usou foram as seguintes: Se vc sair, em breve, estará descendo à sepultura. Aquelas palavras ecoaram tão profundamente no coração desse casal, que hoje encontram dificuldades para se relacionar com Deus e com o seu chamado. Mas graças a Deus, domingo, os dois estavam na Igreja e observamos um novo brilho em seus olhos.
Os gananciosos pregadores são assim. Usam a Palavra de Deus para intimidar as vidas, para dominar e passam longe de serem referenciais. 

Pra. Ioná Loureiro

Nenhum comentário: